Música ajuda a preservar a memória afetiva de pacientes com Alzheimer

21.09.2016

Alzheimer acomete mais de 35 milhões de pessoas em todo o mundo, sendo 1,2 milhão só no Brasil

 

Projeto #MusicasParaSempre conecta famílias de pacientes com a doença e músicos voluntários

 

Um estudo alemão comprovou que a área do cérebro responsável pela memória musical é inume à doença de Alzheimer, como se a música estivesse “se escondendo” da doença.

 

Segundo a pesquisa realizada pelo Instituto Max Planck de Neurociência e Cognição Humana de Leipzig, na Alemanha, a memória musical é armazenada no cérebro em uma área distinta das demais, exclusiva, tendo, portanto, menor chance de ser comprometida pela doença.

 

Inspirado nessa descoberta, surgiu o projeto #MusicasParaSempre, que tem como objetivo conectar famílias de pacientes com a doença e músicos voluntários para transformar em música momentos marcantes da vida dessas pessoas, tentando preservar pelo maior tempo possível a memória afetiva delas.

 

O projeto começou com apenas uma música e, após repercussão nas redes sociais, famílias de pacientes e músicos foram aderindo ao projeto, que ganhou força e já conta com compositores conhecidos, como Jair Oliveira e Wilson Simoninha.

 

O Alzheimer acomete mais de 35 milhões de pessoas em todo o mundo, sendo 1,2 milhão só no Brasil, segundo dados da Abraz (Associação Brasileira de Alzheimer).

Os pacientes esquecem o próprio nome, onde moram, qual é a comida preferida, quem são seus amigos, mas conseguem lembrar de melodias que marcaram sua vida.

 

Fonte:http://noticias.r7.com/saude/musica-ajuda-a-preservar-a-memoria-afetiva-de-pacientes-com-alzheimer-21092016

Please reload

Eduarda Araújo
Blogueira
Mais postagens

DICAS- Minha lista de Filmes para você!

November 18, 2019

1/18
Please reload

Informativos
Você_que_está_pensando_em_construir_sua_

Parceiros

  • WhatsApp
  • Instagram
  • Twitter
  • Facebook
Todos os direitos reservados - 2013-2018 Rádio e Televisão
  • Unknown Track
  • -
  • Unknown Artist
00:00 / 00:00

Visitas